O BURACO DA FECHADURA

rabiscos, escrevinhações, achismos e outras bobagens

Buscar
  • marcosthomazm

OLHO NO LANCE

Atualizado: 31 de Out de 2018


Começo hoje uma série onde vou “meter o bedelho onde não fui chamado”!! A idéia é “unir a fome com a vontade de comer”! É só juntar a curiosidade com a chatice crônica que habitam em mim. Como observador atento de tudo o que me rodeia (sempre com um “olho no peixe, outro no gato”) vou estender as observações que já compartilho no botequim, roda de amigos, grupos de zap e conversas de esquina a este espaço.


Está lançado o Serviço voluntário, petulante e presunçoso de OMBUDSMAN da imprensa paraibana (sem ressentimentos, vim em missão de paz, amigos):


AS PÉROLAS DO DIA:


Manchete de programa matinal na Rádio CBN (23/10/2018): "PB registra 8 MIL DEMISSÕES em setembro, mas fecha mês com saldo positivo de empregos"!


Manchete do portal MAISPB (23/10/2018): "CAGED: 8,2 mil paraibanos foram demitidos”

Por que é mais tentador negar primeiro? Desconstruir o feito, para relegar a segundo plano, já sem impacto atrativo, o que realmente importa?? O relevante no frigir dos ovos é o fato do estado paraibano ter fechado o mês de setembro com saldo positivo no balanço geral e NÃO AS DEMISSÕES, que foram superadas em quase 30% pelas ADMISSÕES, ora pois!

Ou seja, por que então não inverter, por exemplo, a manchete da CBN??


"Com mais de 10 MIL CONTRATAÇÕES em setembro, PB fecha mês com saldo positivo de empregos!!"


Parece algo simples, mas é a típica narrativa que ao desprestigiar o resultado final, subverte o destaque, que é o Balanço Geral POSITIVO na Geração de Empregos na Paraíba! Esta premissa de respeitar o que realmente importa foi feita na abordagem dos dados da CAGED pela imprensa de vários outros estados brasileiros (basta uma busca por sites de Pernambuco, Santa Catarina, Ceará, Amazonas etc).


Os intrigueiros já perguntam a motivação: lapso, desatenção, puro descaso com a notícia, ou linha editorial condicionada?? Aí já é exigência demais a este pobre observador. “Não sei, só sei que foi assim...”


48 visualizações0 comentário
 
 
pexels-photo-776153.jpeg

ENTRE EM CONTATO

Suas informações foram enviadas com sucesso!