O BURACO DA FECHADURA

rabiscos, escrevinhações, achismos e outras bobagens

Buscar
  • marcosthomazm

O MÉDICO E OS MONSTROS

Atualizado: 27 de Ago de 2020


(COM ÁUDIO) Rádio Tabajara faz entrevista exclusiva com médico responsável pelo procedimento de aborto com criança de dez anos, vítima de estupro


Uma longa viagem de milhares de quilômetros, anos de abuso e exploração sexual, pressão de moralistas que ela sequer conhecia, e invasão à sua casa. Após enfrentar tudo isso, e retirar do seu corpo mirrado o fruto de anos e anos de reiteradas violências, a criança voltava a sorrir!


Foi preciso sair de seu lar, nada doce, encontrar um quarto de brinquedos e realizar o desejo de comer um sanduíche no Mcdonalds para a menina recuperar alguma alegria, afirmou a avó...


Ele teve coragem de enfrentar movimentos, instituições e a falsa moral cristã para cumprir o seu dever e realizar o aborto na menor de 10 anos, vítima de abuso sexual.


Coube a ele ser o profissional que, simplesmente, cumpriu o que determina a Constituição em casos do tipo.


Apenas por executar a sua missão pautada na lei e na bioética, o Doutor José Olímpio passou a ser alvo de grupos de fanáticos religiosos, extremos militantes de ideologia política e toda espécie de haters.


Parcimoniosamente ele encara a todos os novos e velhos detratores.


Sim, o médico pernambucano está nessa linha de frente há tempos.


E os revoltosos de plantão não surgiram hoje, nem ontem, apenas ganharam mais corpo com essa onda de valores distorcidos que assola o país...


Mais que isso, com contundência e repertório amplo de quem atua e estuda a problemática há anos, o Dr. Olímpio discorre fluidamente sobre a necessidade de debatermos a educação sexual, questões de gênero e autonomia da mulher nas escolas.


Ele não tem dúvidas que esse é o primeiro caminho para modificar este cenário de violência contra a mulher (seja esta menor ou maior de idade).


Apesar do tom sempre comedido, respeitoso, ele não titubeia em afirmar categoricamente que a ciência não é inimiga da religião, mas a última não pode tentar se impor as leis de um país laico!


Mesmo com toda postura equilibrada, José Olímpio não se furta a apontar que o aborto legal no Brasil existe, mas como quase tudo neste país, está restrito ao caráter de privilégio, apenas para alguns poucos, acessível aos da “Casa Grande” como se refere explicitamente o médico.


Tudo isso foi pauta da longa entrevista do médico José Olímpio nesta quinta-feira, no programa Fala Paraíba, da Tabajara FM, com apresentação de Ivyna Souto e Petrônio Torres, além de Iracema Almeida na edição. Você pode conferir esse material na íntegra, clicando abaixo, ou acessando o podcast da Rádio Tabajara em qualquer plataforma de streaming:




25 visualizações0 comentário
 
 
pexels-photo-776153.jpeg

ENTRE EM CONTATO

Suas informações foram enviadas com sucesso!