top of page

O BURACO DA FECHADURA

rabiscos, escrevinhações, achismos e outras bobagens

Buscar
  • marcosthomazm

CURTINHAS DA COPA 7

O PAÍS DAS CORNETAS!


Olho no lancêêêêê!!


O pessimismo inveterado brasileiro está em nível hard!


Classificação com derrota na última rodada (nem o fato de ter sido time reserva ameniza aos espíritos de porco contumazes).


Logo emergem dados, números históricos.


Nunca fomos campeões mundiais com alguma derrota.


Aí vem a tradicional crendice negativa...


A derrota na última partida da primeira fase e o chaveamento evocam uma fatídica Copa de 98, a única em que chegamos a final e perdemos (em 1950 não era formato de final e sim triangular).


Se vencermos a Coréia do Sul hoje, passarmos das quartas e avançarmos as semis, enfrentaremos o vencedor do duelo entre Argentina x Holanda. Em 98 foi a Holanda, naquele duelo épico (como sempre entre Brasil x Países Baixos).


Nesta sequência já se projeta uma final contra a carrasca França e a “boca de cemitério” corre solta.


Sinais, fortes sinais...


Ô povo pra gostar de agourar é o brasileiro com a seleção!?!?!


A BRUXA TÁ SOLTA!?!


Por falar em zica...


Gabriel jejum, digo Jesus, definitivamente não nasceu para Copa do Mundo!


Dois mundiais, oito jogos, zero gols, marca inédita de um centroavante brasileiro em mundiais.


Além da seca, uma lesão séria o tirou da Copa em definitivo.


Agora imagine se com tudo isso, ainda estampar no currículo o título mundial, caso o Brasil vença a Copa?


“Vocês vão ter que engolir!?!”


Ah, por sinal, Neymar retorna hoje, em condições físicas envolvidas em muitas suspeitas, mas uma presença que tranquiliza parte do Brasil e deixa a outra de tocaia para tacar pedra no primeiro deslize (em campo, ou fora).


Bora Brasilllllllllllllll...



VIGILÂNCIA ARMADA


Há tempos os patrulheiros estão de plantão querendo estabelecer normas e fiscalização contra quem queria curtir a Copa do Catar. Tenho nem paciência, quiçá energia pra responder a isso.


Que a FIFA, CBF e todas as siglas mundiais tem seus esquemas, tramóias e tudo o mais, até a areia do deserto Catarino sabe. Que o Catar é um império tirano, violador de direitos humanos eu também sei.


Que a escolha da sede é um absurdo questionável, alvo de manifestações necessárias, concordamos. E elas estão ocorrendo. Na Copa, inclusive. Só não me venha estabelecer regra e veto para curtir futebol. Tire sua amargura do caminho.


Agora, muito além da competição, da bola rolando, que a Globo “forçou a amizade” com uma matéria de quase exaltação ao emirado do Catar, forçou. Demais.


Sheika Moza, a mãe do Emir do Catar, Tamim bin, foi alçada ao posto de redentora dos costumes, revolucionária da tradição, libertadora da opressão do Islamismo em relação as mulheres. Causas e ações relevantes, mas bastante floridas. Sem falar na “passada de pano”, verdadeira “dourada de pílula” quanto ao regime absolutista do Catar. Inevitável pensar na montanha de petrodólares e concessões especiais a Globo no Catar para garantir este espaço nobre ao emirado.


Aí também é demais, também...


O GARIMPEIRO DE EMOÇÕES


Por falar em brilho, ouro, ostentação e afins...


Ronaldo rebateu as críticas por sua presença na nababesca farra de carne “banhada a ouro”.


O fenômeno se saiu com uma alegação de inspirar outros brasileiros, uma espécie de estímulo a chegara até ali e comer carne nobre com “toque de Midas”.


É mole? O país com milhões sem ter um pão amassado para comer e Ronaldo inspirando todos a comer ouro.


Dá até saudade de quando esbanjar era colocar ouro no dente e não mastiga-lo.


Quando se achava que todo arsenal de absurdo e alienação estava entre a atual geração com seus sonegadores de imposto, pensão e afins?!?!


Mas se é para falar de ostentação com o minério vale também lembrar chuteiras com “pinceladas” de ouro nesta copa.


Qual a vantagem disso eu não ei?!?

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Início: Blog2
Início: GetSubscribers_Widget
pexels-photo-776153.jpeg

ENTRE EM CONTATO

Suas informações foram enviadas com sucesso!

Início: Contact
bottom of page