O BURACO DA FECHADURA

rabiscos, escrevinhações, achismos e outras bobagens

Buscar
  • marcosthomazm

“Onda, onda, olha a onda...”


As verdades e folclores por trás do 'tsunami no Nordeste'


Bastou uma notícia sobre risco, possibilidade, hipótese de Tsunami no Nordeste Brasileiro, que não se fala de outra coisa nesta terra abençoada do litoral ao sertão!


Imagina nosso provincianismo se deparando com a possibilidade de viver um “Independence Day, O Dia Depois de Amanhã” e todos estes “blockbusters” apocalípticos, que na ficção só acontecem nos Estados Unidos???


Só pelo glamour logo se esquece da ameaça.


Oportunidade única. Já se pensa em um jeito de fazer as águas revoltas chegarem em Cabaceiras, nossa Roliúde Nordestina, com cenário preparado para virar filme de sucesso mundial.


Eu, observando tudo, de imediato, pensei logo com meus botões: “A República Independente dos Bancários” estaria a salvo de uma inundação nas proporções previstas??


Não que eu não me importe com a tragédia sobre os irmãos nordestinos na beira mar e adjacências, mas instinto de sobrevivência e auto-proteção é automático, né?


A bem da verdade, ainda é remota esta possibilidade de Tsunami. Muitas variáveis envolvidas.


O Vulcão Cumbre Vieja, no litoral africano entrar em erupção, despejar quantidade significativa de larva no oceano e por aí vai...


Mas ela existe e que bom que temos a ciência para prever, estudar tragédias climáticas, nos alertar de riscos.


Muito embora isso, para nossa realidade histórica, pouco valha. O que será feito pelas autoridades públicas brasileiras quanto ao tema? Algum plano de evacuação será elaborado, posto em prática? Treinamento envolvendo civis, sirenes de alerta, criação de grupo especializado?? Alguém crê, que isso esteja em debate?


Para o bem e para o mal, no Nordeste tudo logo vira folclore!


Mas nestas proporções, só o Poeta do Absurdo, Zé Limeira seria capaz de prever nos seus cordéis surrealistas.


Pensando em positivar o fenômeno, estou atento ao mercado de imóveis para concretizar meu sonho de ter uma casa na praia. Há sempre o risco de alguns desesperados, apocalípticos quererem se desfazer a qualquer preço de sua casa e correr para o interior. Minha chance de “pôr o pé na areia” está aí. Tô na pista!


Do lado negativo fica o receio desse alentado Tsunami realmente sair varrendo tudo, misturar a geografia e trazer tubarão do litoral pernambucano pra cá pras “bandas da Paraíba”.

26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
 
 
pexels-photo-776153.jpeg

ENTRE EM CONTATO

Suas informações foram enviadas com sucesso!