O BURACO DA FECHADURA

rabiscos, escrevinhações, achismos e outras bobagens

Buscar
  • marcosthomazm

SALVE ESCURINHO, SALVE A MÚSICA


Foto: Rafael Passos

Fui ver e celebrar os 60 anos do Mestre Escurinho.


Sábado, 21 de maio...


O lindo Santa Roza, templo pessoense, ali ao lado de outro espaço tão familiar a Escurinho: o Bar dos Artistas, outro palco menos nobre, mas efervescente e essencial a música paraibana na décade de 90 e começo deste século.


Evento de gala, daqueles que nem sabemos se temos “roupa” pra ir.


Banda de Escurinho em um ato, Quinteto da Paraíba em outro.


Contemplar Escurinho é revisitar muito mais que seis décadas de agora, ou qualquer tempo.


É potência ancestral e reinvenção moderna em totalidade.


Hoje, amanhã e depois em constante transformação.

O mirrado homem carrega em si um universo sonoro.


É uma “onda dentro da onda”.


Um “maluco” que é, já foi e, contrariando a natureza, ainda tá pra nascer.


Transforma a Terra, redonda vale frisar, em uma enorme ciranda.


É coco, docemente, envenenado.


Exala flor tirada de seu “Belo Jardim”, mas dispara versos como projéteis de metralhadoras.


Ele subverte e lógica das teorias convencionais e diz que a música indígena é a mais influente no cancioneiro brasileiro, afirma “ter sangue cigano”, é negro, sertanejo, “ganhou rima em João Pessoa”, mas é do mundo inteiro.


Generosamente, assim, do Globo todo mesmo.


É poesia em estado bruto, sem rebuscamento, ou estilismo padrão.


Visceral, corta na pele... preta, branca, amarela.


Devo confessar que, à época de minhas incursões por eventos com o AUMENTA, carrego uma frustração de nunca ter tido Escurinho nos nossos palcos.


Considero a única grave ausência local nas festas do AUMENTA.


O tivemos escalado em uma ocasião...


Mas, falhas, motivações, desencontros à época a parte, fato é que tenho plena convicção que vale aplicar ao caso a máxima sobre Zico em relação ao título da Copa do Mundo:


“Se Escurinho nunca tocou em evento do AUMENTA, azar do AUMENTA!”

49 visualizações0 comentário
 
 
pexels-photo-776153.jpeg

ENTRE EM CONTATO

Suas informações foram enviadas com sucesso!